Qual o segredo do sucesso da saga 'Crepúsculo'?

26.05.2011
Renato Marafon

Muitos se perguntam qual é o segredo do sucesso da franquia 'Crepúsculo', adaptação cinematográfica dos livros de Stephenie Meyer.

O primeiro filme da franquia, dirigido por Catherine Hardwicke ('Aos Treze'), chegou aos cinemas massacrado pela crítica especializada, o que geralmente significa fracasso absoluto nas bilheterias.

E justamente o oposto aconteceu, em um inexplicável fenômeno. As bilheterias mundiais somaram incríveis US$ 392 milhões, transformando-o no sétimo filme mais visto nos cinemas em 2008.

'Crepúsculo' foi a primeira obra publicada pela autora Stephenie Meyer, que depois criou mais quatro livros da série, sempre mais sucesso a cada um. "Como uma escritora de primeira-viagem, não tinha a menor idéia do que seria normal", diz ela. "Eu ainda não sei. Eu não tinha expectativas. Eu fui inicialmente abordada sobre o filme antes do livro sequer ser lançado. Eu não esperava ouvir nada sobre o livro até que ele estivesse nas prateleiras...".

Ou seja, nem a autora imaginava o fenômeno que a série se transformaria. Conforme Meyer continuou a adicionar volumes à sua série de livros, a Summit Entertainment se interessou pela idéia de desenvolver a saga em uma série de filmes. "A idéia de uma fantasia sobrenatural como pano de fundo uma grande e trágica história de amor é uma grande combinação. Se juntarmos a isto uma série de livros mais vendidos, e os fãs já conectados aos personagens, temos realmente uma boa base para conquistar até o público que não conhecia 'Crepúsculo'", revela.

Porém, enquanto a franquia segue sua trilha de sucesso, seus astros não conseguem manter o mesmo feito em seus novos filmes.

A protagonista Kristen Stewart tira as horas vagas para se dedicar a produções menores, que consequentemente afundam comercialmente. Após ser cataputada ao sucesso, a atriz estrelou 'Férias Frustradas de Verão' (que arrecadou US$ 16 milhões nos EUA) e 'The Runaways - Garotas do Rock' (US$ 3,5 milhões). Atualmente, se dedica a 'Branca de Neve e o Caçador', com Charlize Theron.

Robert Pattinson teve um pouco mais de sorte nas bilheterias, mas não conseguiu se fixar como galã. Ele estrelou os longas 'Água para Elefantes', que arrecadou medianos US$ 53 milhões, e 'Lembranças', que decepcionou com US$ 19 milhões. Não empolgou.

Quem tenta a sorte agora é Taylor Lautner, que tem sido aposta em Hollywood e supostamente ganha US$ 7 milhões por filme. Seus próximos lançamentos incluem 'Sem Saída' e 'Incarceron'. Será que vai?

Se o segredo do sucesso da franquia não está em seu elenco, também não está em seus diretores. Após dirigir o primeiro filme, Catherine Hardwicke foi dispensada pela Summit, e se dedicou à versão moderna de 'Chapeuzinho Vermelho', 'A Garota da Capa Vermelha'. Apesar de ter um elenco interessante, o longa afundou nas bilheterias, arrecadando míseros US$ 37 milhões.

Talvez o sucesso possa estar na história, um clássico clichê. A autora inova ao mostrar uma família de vampiros 'vegetarianos', que não dormem em caixões, caminham a luz do dia, convivem pacificamente com os humanos e onde cada um possui um talento especial, como ler pensamentos, ver o futuro e ter a habilidade de manipular os sentimentos das pessoas que estão próximas. Meyer narra esta história de amor entre uma mortal e um vampiro do ponto de vista de Isabella. Seus medos, suas dúvidas, suas emoções diante de Edward. Um Romeu e Julieta moderno.

É difícil decifrar o que transformou a franquia em um fenômeno moderno, com uma engajada legião de fãs no mundo todo. E mesmo os mais céticos sabem que a saga promete gerar novos frutos, e muitos, muitos milhões para os cofres da Summit.

Após 'A Saga Crepúsculo - Lua Nova' (US$ 709 milhões mundialmente) e 'A Saga Crepúsculo - Eclipse' (US$ 698 milhões mundialmente), duas sequências ainda prometem agitar os cinemas: 'A Saga Crepúsculo - Amanhecer - Parte I e II', que estreiam em 18 de Novembro de 2011 e 16 de novembro de 2012, respectivamente.

A Summit Entertainment estima arrecadar em torno de US$ 1,2 bilhão mundialmente com os dois filmes.

E quem pensa que a franquia está chegando ao fim, está muito enganado: A Summit já planeja a adaptação de 'A Breve Segunda Vida de Bree Tanner', primeiro livro com material inédito da 'Saga Crepúsculo' lançado após 'Amanhecer', e segue outra visão da história que corresponde ao terceiro volume da série, 'Eclipse'. Nele, Stephenie Meyer apresenta a história da recém-criada vampira que desperta questões sobre a futura vida de Bella. Transformada para ser uma máquina de matar e destruir os Cullen, Bree mostra a sua visão sangrenta e sedenta da história.

'A Hospedeira', primeiro livro da autora pós-'Crepúsculo', também será adaptado para as telonas, estrelado por Saoirse Ronan ('Hanna', 'Um Olhar do Paraíso') e dirigido por Andrew Niccol ('O Senhor das Armas').

Por fim, o segredo do sucesso de 'Crepúsculo' continua um enigma, mas até os que abominam a franquia tem que admitir seus incríveis feitos e seu sucesso inigualável. 'A Saga Crepúsculo' é um dos maiores fenômenos modernos.